Árbitro assinala penálti já com os jogadores no balneário
17/04/2018

O vídeo-árbitro continua a gerar discussão, mas desta vez o episódio chega-nos da Alemanha através de uma decisão polémica. Tudo aconteceu quando se jogava o último minuto da primeira parte do encontro de encerramento da 30ª jornada, entre o Mainz e o Friburgo. Brosinski, lateral da equipa da casa, cruzou no lado direito e o defesa Marc-Oliver Kempf cortou a bola com o braço. Perante este lance, o árbitro da partida mandou seguir e pouco depois apitou para o intervalo.

Já em tempo de intervalo, o árbitro Guido Winkmann recebeu indicações do VAR sobre este lance e decidiu ir rever as imagens no ecrã instalado junto ao relvado. Após ver as imagens, percebeu que tinha de facto errado e mandou chamar as duas equipas, quando os jogadores já se encontravam no balneário.

Mesmo com muitas criticas da comitiva do Friburgo, o argentino Pablo De Plasis lá foi marcar o penálti e acabou por bater o guardião Alexander Schwolow, inaugurando o marcador a favor do Mainz... oito minutos depois do árbitro ter apitado para o intervalo.