Social

Vídeos

/

10 Novembro 2017

Atriz injeta-se com bactéria de 3,5 milhões de anos que promete juventude eterna

Manoush, uma atriz russa de 45 anos, viciada em cirurgias plásticas, injeta-se há três meses com uma bactéria de 3,5 milhões descoberta na Sibéria. Numa tentativa de conservar a sua juventude, já gastou nos últimos anos mais de 50 mil dólares em cirurgias plásticas, mas este ano resolveu dar outro passo na intenção de deter o envelhecimento... algo que considera uma doença.

A bactéria "Bacillus F" foi encontrada em altas concentrações nos restos do cérebro congelado de um mamute, descoberto em 2009, no noroeste da Sibéria, em bom estado de conservação. O mamute teve as condições de conservação ideais: caiu num poço com água, que se congelou e nunca mais descongelou. Os cientistas que desbloquearam o seu ADN em 2015 destacaram que a bactéria milenar não mostra indícios de envelhecimento e pode ser a chave para melhorar a saúde e aumentar a longevidade dos humanos.

Manoush, que participou em filmes como "Cannibal" ou "Seed 2", recebeu a bactéria das mãos do cientista russo Anatoli Brushkov, mas injeta-se sozinha, desde 22 de julho, já que o procedimento é considerado experimental e nenhum médico se atreveria a injetá-la em alguém, devido ao risco de perder a sua licença. Todos os meses, a atriz é submetida a testes de sangue e os resultados são comparados com os testes anteriores.

Brushkov destacou que, curiosamente, as pessoas que residem no local onde a bactéria foi encontrada são as que mais vivem na Sibéria. Ele explicou que as pessoas consomem a bactéria porque está presente na água.

A atriz afirma que nunca se sentiu melhor e que a sua pele melhorou consideravelmente. Ainda que se dê conta de que este tratamento não a ajudará a rejuvenescer 20 anos, acredita que a ajudará, pelo menos, a viver até aos 80 ou 90 anos.

"A minha pele está tão suave como a de um bebé", revelou a mulher, que também acredita que agora contrai menos constipações. "Quero morrer com o pleno funcionamento das minhas funções corporais e se isto ajudar, tudo terá valido a pena". Ainda é cedo para dizer se funciona, mas Manoush afirma que a pele está visivelmente mais jovem.

O que achas disto?

VAIS GOSTAR: