Notícias / 6 Dezembro 2013

É insólito e parece irreal, mas aconteceu! Esta história bizarra passou-se nos Estados Unidos e o protagonista é Paul Franklin, um menino de 4 anos que viveu durante um mês com um caracol dentro do joelho. Tudo aconteceu quando a família foi passar férias na praia Spooner’s Cove, na Califórnia. Durante a estadia, a criança caiu no meio das rochas e magoou-se no joelho. A mãe tratou de imediato de limpar a ferida… mas estava longe de imaginar que uma ferida aparentemente inofensiva iria ter um desfecho singular.

Quando regressaram de férias, a mãe de Paul estranhou a dificuldade na cicatrização e verificou que uma parte do joelho do menino estava infetada e um pouco inchada. Levou o filho ao médico e este medicou Paul para o caso da infeção. Contudo, o joelho continuou a piorar, adquirindo uma cor alaranjada e um inchaço maior.

Apesar da toma do antibiótico, o joelho ficou preto! Aflita, a mãe resolveu drenar a ferida e foi nesse momento que viu algo que a deixou incrédula: do joelho saiu um caracol do mar, em vez do habitual pus! A história acabou por ter um desfecho feliz e Paul recuperou bem e está de perfeita saúde.

O animal também acabou por ter sorte. Foi adotado pela família de Paul: chama-se Turbo e é a mascote dos Franklin… Que grande história para meter inveja aos amigos na escola!

Notícias / 6 Dezembro 2013

Depois de ter partilhado um táxi com outro homem na província de Hunan, na China, Zou Bin rapidamente percebeu que tinha ficado sem o iPhone e, obviamente, quem era o culpado.

Depois de uma série de mensagens ameaçadoras enviadas para o seu próprio iPhone e onde Zou Bin dizia que sabia perfeitamente quem era o homem, que acabaria por o encontrar, que bastava dar uma vista de olhos aos seus contactos para perceber quem ele era e que a melhor coisa que podia fazer era mesmo devolver o iPhone para a morada facultada… eis que aconteceu algo realmente hilariante!

Dias depois, Zou Bin recebe uma encomenda no correio e quando a abre, esperando ver o seu iPhone são e salvo, depara-se com 11 páginas escritas à mão com os nomes e números de telefone dos mais de mil contactos que tinha arquivado no telemóvel.

Zou Bin nao sabia se havia de rir, se havia de chorar… nós por aqui fartamo-nos de rir!

Notícias / 5 Dezembro 2013

Um estudo recente publicado no jornal australiano Sydney Morning Herald dá a conhecer uma das doenças mais estranhas do mundo que pode afetar o ser humano: a Síndrome do Sotaque Estrangeiro (em inglês, Foreign Accent Syndrome).

O nome desta doença até parece brincadeira, mas é bem real e é objeto de estudo de vários médicos, cientistas e investigadores. Todos eles procuram estudar melhor a respetiva enfermidade, assim como os melhores tratamentos para lhe fazer frente. Esta doença surge depois de uma pancada ou lesão forte no cérebro, o que faz com que as vítimas comecem a falar uma língua diferente da sua língua materna. O idioma falado varia de paciente para paciente mas, na maioria dos casos, os doentes não conhecem a língua que começam a falar.

De acordo com alguns investigadores, a pronúncia não deve ser considerada estrangeira, uma vez que existe apenas a ilusão de que ela é, efetivamente, de outras línguas. Por outro lado, alguns cientistas da Universidade de Oxford, em Inglaterra, referem que a síndrome é causada por um trauma ocorrido nas áreas do cérebro que estão associadas à linguagem, o que leva a modificações na entonação, pronúncia e outras características da fala.

Esta síndrome é muito rara e, neste momento, só existem cerca de 20 casos confirmados em todo o mundo. O primeiro caso registado foi o de uma mulher atingida durante um bombardeamento ocorrido em 1941, na Noruega. A senhora passou a falar norueguês com um sotaque alemão.

Notícias / 5 Dezembro 2013

Nesta história, ninguém se pode queixar de uma atuação policial pouco ativa ou empenhada. A cena caricata ocorreu no Reino Unido e mobilizou um autêntico batalhão de dispositivos policiais… para nada! A notícia que circulava era a de o desaparecimento de um menino britânico, de apenas 3 anos, cujo paradeiro foi desconhecido durante algumas horas.

Dado o alerta dos pais, a operação envolveu duas dezenas de polícias ingleses, que se fizeram acompanhar de cães farejadores e até de um helicóptero. Mas, na realidade, a criança nunca saiu de casa e nunca esteve desaparecida. Algumas horas depois foi encontrado a dormir profundamente e de perfeita saúde, debaixo da própria cama.

Quando os pais foram espreitar Noah durante a sesta e não o encontraram na cama onde o deixaram, acreditaram tratar-se de um rapto. De acordo com os relatos dos pais à polícia, puseram o filho a dormir no quarto como habitualmente e foi a última vez que o viram. Quando foram verificar se estava tudo bem, não encontraram a criança na cama e entraram em pânico, pensando que alguém o teria levado de casa.

Alertaram as autoridades de Devon e iniciou-se a operação com buscas por todo o bairro de Abbotskerwell, mobilizando-se para isso 20 polícias, um helicóptero e cães pisteiros. O desaparecimento de Noah foi até divulgado nas redes sociais.

Duas horas depois foi encontrado: parece que se terá metido debaixo da cama na brincadeira depois de os pais terem saído do quarto e aí acabou por adormecer. A polícia gastou cerca de 12 mil euros à procura de Noah, que nem sonhava com tamanho aparato à sua volta!

Notícias / 4 Dezembro 2013

Tony, nome fictício, é um soldado americano que, como tantos outros passava muito tempo longe de casa e da família em missões em prol do seu país. Depois de ser destacado para o Iraque, resolveu levar a sua Nintendo Wii para se entreter com os colegas durante as horas vagas. Em casa ficou a sua mulher, já habituada a passar algumas temporadas sozinha, na sua habitual rotina… agora sem a Wii.

Cerca de um ano depois, Tony recebeu a notícia que ia regressar a casa e aproveitou para despachar a consola por correio, de volta para os EUA. Algum tempo depois, foi a vez dele de aterrar em solo americano… mas a chegada não correu como esperava. Rapidamente lhe chegaram comentários que a sua esposa tinha sido infiel na sua ausência… quando questionada pelo marido, ela jurou que apenas tinha beijado um outro homem e que não terá passado de um ato impulsivo.

Pouco convencido, Tony resolveu investigar e onde é que descobriu a verdade? Na sua fiel consola Nintendo Wii, pois claro! E como é que ele chegou a essa preciosa informação? Existia um novo avatar registado na memória da consola e não pertencia nem a Tony, nem à sua esposa. Mais: a personagem criada na sua ausência era idêntica à descrição que os amigos lhe tinham feito do alegado amante da esposa. “Eu cliquei na opção do calendário e pude identificar as várias noites em que o avatar da minha esposa e o novo avatar jogaram juntos” contou Tony.

Resultado? Game over. A relação terminou em divórcio.

Notícias / 4 Dezembro 2013

Os sintomas da gripe são muito conhecidos: febre, dores corporais gerais, mal-estar e desânimo. Estudos prévios comprovaram que o vírus da gripe se encontra em condições mais propícias para a infeção quando ocorrem mudanças de clima e de temperatura. No entanto, para prevenir a gripe, existem alguns cuidados que devem ser respeitados como, por exemplo, evitar lugares fechados e com muitas pessoas, agasalhar-se quando se expõe ao frio e alimentar-se de uma forma saudável e equilibrada.

Numa pessoa saudável e com uma boa alimentação, os sintomas da gripe são mais atenuados. Contudo, existem alguns alimentos que permitem potencializar o funcionamento do sistema imunitário e assim combater eficazmente a gripe.

A vitamina C, presente no agrião, melão e frutas cítricas permite o aumento da produção de células de defesa para o combate a bactérias e vírus. Também é de realçar que a vitamina E interage com as vitaminas A e C e todas elas ajudam na defesa do corpo e têm a missão de lutar contra o envelhecimento das células.

A vitamina A é importante na ação anti-inflamatória e está presente na cenoura, abóbora, fígado, lentilha e cereja.

Já a vitamina B6 é muito importante no aumento da imunidade geral do corpo, uma vez que tem uma ação protetora contra o cancro, ajuda no controle de alguns tipos de diabetes e é usada para o alívio dos sintomas da tensão pré-menstrual. Ela está presente na soja, banana, cenoura, abacate, alho e ovos.

Além disso, o selénio é um antioxidante, imunoestimulante, desintoxicante e anti-inflamatório que pode ser encontrado no alho, cebola, milho, cogumelos e cereais.

Por último, o zinco atua na reparação dos tecidos e na cicatrização dos ferimentos, estando presente no leite, anis e gengibre.

Este Inverno, a receita contra a gripe e as constipações está no frigorífico!