Filtros

Social

Vídeos / 15 Dezembro 2017

Este vídeo chega-nos de Watford, Hertfordshire, na Inglaterra, e nele é possível ver uma mulher a caminhar na rua sob um chão coberto de gelo e alguma neve, quando a certa altura escorrega e cai de forma aparatosa.

Não é a queda da mulher que se está a tornar viral, mas sim a atitude do condutor de um carro que passava no mesmo instante em que a mulher foi ao chão. Sem hesitar, o automobilista sai do carro e apressa-se a ajudar a mulher... quem disse que o Pai Natal não existe? smiley

Vídeos / 30 Novembro 2017

Encontrar um objeto cilíndrico e metálico deixou um pai tão chateado que virou motivo de chacota nas redes sociais. Tudo porque o progenitor ao encontrar um 'gadget' cilíndrico roxo, no meio das coisas da filha, pensou que era um vibrador e de imediato enviou uma mensagem para a filha.

"Emily, onde estás? Quando chegares a casa precisamos de conversar", perguntou o pai. A jovem respondeu que estava na casa de amigos e perguntou ao pai o que se passava. Ele, então, mandou a foto do objeto suspeito e mostrou-se indignado.

"Bem, eu encontrei isto. Isto é nojento! Tu não deverias desperdiçar o teu dinheiro! Se tens esse tipo de necessidade, sugiro que não largues esta m***** em qualquer sítio", esbravejou o pai. Assustada, a filha responde, em letras maiúsculas: "PAI, O QUE ACHAS QUE ISSO É?".

Convicto de que o objeto é um brinquedo sexual, o pai responde: "Aqueles brinquedos nojentos que vibram. Não sou tão velho assim, Emily". É então que a filha faz a revelação: era apenas um 'power bank' que a jovem havia usado num passeio à Disney. Envergonhado, o pai dela desculpa-se e pede: "não contes à tua mãe".

Emily publicou a sequência hilariante no seu perfil no Twitter, com a legenda: "Isto foi tão estranho, meu Deus, o meu pai realmente supôs o pior". Rapidamente as mensagens caíram nas graças dos internautas e o episódio tornou-se viral. smiley

Vídeos / 28 Novembro 2017

Chama-se Tjindjara e participou no mês passado no The Voice holandês, com a música "What About Us" da Pink. A forma como agarrou o tema da norte-americana, deixou toda a plateia, inclusive os jurados, em total apoteose. Quem acabou também por vibrar, e de que maneira, com esta participação, foi o amigo da concorrente que quase "ia tendo um filho" no estúdio.

QUE POWER! smiley

Vídeos / 27 Novembro 2017

No momento em que a Orquestra Sinfónica do Estado do Norte da Califórnia tocava o clássico "Firebird", do compositor russo Igor Stravinsky, uma espetadora parece ter decidido dormir um pouco... mas durante a execução do tema, a própria melodia fez com que ela acordasse assustada. Assiste ao vídeo e percebe porquê! smiley

Imagens / 23 Novembro 2017

Os americanos Matthew e Chris Brandt estavam juntos há seis anos quando decidiram tornar o relacionamento aberto e tudo mudou. Eles conheceram a jovem Cait Earnest, que veio a tornar-se a terceira integrante da relação.

Chris, de 38 anos, sugeriu que o casal abrisse os horizontes e começasse a ter uma relação a três, mas Matthew Brandt, de 28, não achou muita piada à ideia e, inicialmente, opôs-se totalmente à decisão do companheiro.

"Matthew nunca tinha tido experiência com mulheres antes de me conhecer. Já eu tinha namorado com algumas raparigas e alguns rapazes", explica Chris, em entrevista publicada pelo jornal Metro.

Inicialmente contra a ideia, Matthew acabou por aceitar a sugestão do companheiro, e ambos começaram uma busca pela possível namorada, até que encontraram Cait Earnest, numa aplicação de encontros amorosos, e começaram logo a sair os três juntos.

A jovem de 28 anos estava numa relação monogâmica há cinco anos e agora estava num tipo de relacionamento totalmente diferente. "Eu nunca tinha estado com duas pessoas ao mesmo tempo, é diferente para cada um, mas eu posso dizer que é uma vida sexual muito divertida", explica Cait.

No início da relação a três, os ciúmes eram um grande problema. Matthew afirma que se sentiu inseguro quando o parceiro contou que já amava Cait tanto quanto a ele. "Foi uma luta para mim", desabafou.

Quando se trata de sexo, todos se envolvem, mas, inicialmente, Matt não aceitava a ideia de ter relações sexuais a três, portanto Chris fazia sexo com Cait, sem o marido. Matthew descreve-se como 'homoflexível', enquanto Chris e Cait consideram-se bissexuais.

Com a superação dos ciúmes, e com uma relação a três de já dois anos, o trio já fala em ter filhos.

Clica aqui para ver tudo...

Vídeos / 23 Novembro 2017

A Coreia do Sul é referência mundial a nível de cirurgia estética de correção do maxilar, tanto que muitas pessoas da Ásia visitam o país com o objetivo de melhorar a sua condição.

Foi o caso do jovem tailandês Noppajit Monlin, de 22 anos, que com a ajuda de um popular programa de televisão da Coreia do Sul, "Let Me In", conseguiu melhorar e muito a sua aparência.

Para Noppajit, a sua aparência sempre foi um problema: queixo saliente e torto, juntamente com uma pele manchada por causa do acne, fez com ele sentisse vergonha dele próprio. Ele trabalha numa fábrica e almoçava sempre sozinho para evitar encontrar com outros colegas.

Durante três meses, Monlin viveu no país vizinho para fazer um tratamento à pele, corrigir o queixo, reduzir os papos debaixo dos olhos e corrigir a testa e o formato dos olhos. Depois do tempo de recuperação, o rapaz realmente parece outra pessoa... tanto que a sua mãe nem sequer percebeu que era ele.

Para marcar o reencontro, o "Let Me In" armou um apanhado em que a senhora estava num café à espera do filho. Só que ela não reparou que ele estava sentado na mesa ao lado durante todo o tempo! Numa entrevista, ela contava a chorar que sentia saudades do filho e que não via a hora de o abraçar.

Porém, a senhora ficou incrédula quando o rapaz se levantou da mesa ao lado e perguntou: "Mãe, lembras-te de mim?". Ela desconfiou no começo e precisou ver as cicatrizes das cirurgias para realmente acreditar que estava a falar com o próprio filho! Monlin garante, também, que só mudou por fora: por dentro continua a mesma pessoa, ainda apaixonado por Tob, uma mulher transexual com quem namora há três anos.

Vale a pena assistir a este reencontro!

Vídeos / 21 Novembro 2017

Como mostra este vídeo, as artes marciais podem muito bem ser usadas em situações perigosas da vida real. Um guarda na China usou o movimento "Ippon Seoi Nage" do Judo para desarmar um homem na posse de um facalhão que fazia de refém uma mulher.

Melhor intervenção era impossível! smiley

Vista Post a Post: Anuncio Paginação

Páginas