Filtros

Social

Vídeos / 5 Dezembro 2017

O que era para ser uma brincadeira acabou por virar um grande problema para Arran Maye, de 28 anos. Ele estava de férias com um grupo de 20 amigos em Benidorm, Espanha, quando resolveu fazer uma tatuagem temporária de um bigode em henna, para participar numa competição de disfarces. O processo demorou apenas alguns minutos e o "artista" que fez a tatuagem disse que as marcas desapareceriam em apenas alguns dias.

Acontece que Maye foi tatuado com uma tinta proibida, chamada de "henna negra", e teve uma forte reação alérgica. O seu rosto inchou, latejou e queimou, criando uma cicatriz aparentemente permanente nos traçados onde foi colocada a henna.

Para piorar, Maye ainda tentou remover a tatuagem usando remédios caseiros, como pasta dos dentes, azeite, sal e limão, mas obviamente, isso ainda veio a piorar mais a sua alergia, ao ponto dele ter ficado com falta de ar no voo de regresso a Inglaterra. Quando chegou a Leicester, onde mora, foi de imediato ao hospital, onde ficou internado durante dois dias para os efeitos da alergia passarem.

Um dos médicos especialistas que o observou e acompanhou, revelou-lhe que a cicatriz pode ser permanente.

Vídeos / 30 Novembro 2017

Quem não se lembra da mítica cena do filme "O Exterminador Implacável 2: O Dia do Julgamento", em que o andróide T-1000 persegue o carro da polícia onde seguia John Connor, a sua mãe e o exterminador T-800, que havia sido enviado para proteger o jovem?

Pois bem, na Inglaterra, um casal encontrou na estrada um grupo de homens que abandonavam na rua um frigorífico e outros objetos velhos. Incomodada com o que estava a presenciar, um dos ocupantes do veículo, a mulher, explicou que aquilo era proibido. Na sequência, um deles percebeu que o casal tinha uma câmara e começou uma perseguição verdadeiramente surreal... ao melhor estilo de "O Exterminador Implacável 2: O Dia do Julgamento". smiley

Imagens / 30 Novembro 2017

A iraniana Sahar Tabar, de 22 anos, submeteu-se a 50 cirurgias para ficar parecida com Angelina Jolie, a atriz norte-americana por quem tem uma obsessão.

Sahar publicou as "modificações" nas redes sociais, mas não tem recebido comentários muito agradáveis. A obsessão foi tão longe que a jovem perdeu ainda 40 quilos para ficar com o mesmo peso da atriz, que é muitas vezes criticada pela magreza extrema.

A primeira cirurgia estética a que a iraniana se submeteu foi ao nariz. A partir daí Sahar tentou modelar o rosto e o corpo como o da estrela de cinema.

As criticas parecem não incomodar Sahar que diz que para ela o importante é olhar-se no espelho e ver Angelina Jolie.

No Instagram soma mais de 300 mil seguidores, mas muitos apelidam Sahar de "monstro" e "aberração", pelo aspeto semelhante à personagem principal do filme "Noiva Cadáver".

Clica aqui para ver tudo...

Vídeos / 27 Novembro 2017

Quem tem carta de condução, certamente sabe que para atravessar uma passagem de nível, só mesmo quando a sinalização o permitir e assim que tivermos a certeza que a intensidade do trânsito não nos vai obrigar a ficar imobilizados com o veículo sobre ela. Mas também nunca esquecer de olhar para ambos os lados.

Acontece que, na Polónia, um automobilista não teve as devidas cautelas e acabou por passar pela experiência assustadora que deixa qualquer um de nós a "suar frio" só de imaginar... tens de ver o que aconteceu! smiley

Por incrível que pareça, o condutor sobreviveu!

Vídeos / 27 Novembro 2017

Um grupo de amigos brasileiros estava de regresso a casa em Itatim, no Brasil, depois de uma noite bem "regada"... quando um deles decidiu bater com força numa caixa elétrica junto a um poste. Imediatamente as luzes apagaram e metade da cidade mergulhou numa escuridão total... mas mesmo assim, e como se nada tivesse acontecido, o indivíduo continuou com a conversa "estranha" que estava a ter com os seus colegas! smiley

Vídeos / 24 Novembro 2017

É já amanhã, dia 25 de novembro, que Mike Hughes, de 61 anos, vai lançar-se de um foguete construído por si, com o objetivo de comprovar que a Terra não é redonda. O motorista de limusinas da Califórnia espera atingir mais de 500 metros de altura, para depois fotografar a Terra e provar que todos vivemos num planeta em forma de disco... e não num planeta redondo.

Ao longo do tempo Mike tem construído vários foguetes. O primeiro acabou por voar, em 2014, ao longo de um quarto da distância que pretende percorrer no voo de sábado.

No foguetão, vermelho e pintado com a inscrição "Investigação - Terra Plana", Hughes planeia fazer 1,5 quilómetros, a 805 quilómetros por hora, sobre o deserto de Mojave, na Califórnia, EUA.

Mike vai lançar-se a partir de uma plataforma improvisada que criou de uma autocaravana. A empreitada custou-lhe cerca de 17 mil euros, já que o único patrocinador que conseguiu arranjar foi a "Sociedade para a Terra Plana", um grupo de negacionistas da ciência que acredita que o planeta tem a forma de um disco.

O projeto teve início em 2016: Mike Hughes publicou um vídeo para angariar fundos no qual explicava que não acredita que o homem tenha alguma vez ido ao espaço.

Após a primeira tentativa, em 2014, chegou a revelar imagens da nave a descolar: voou cerca de 500 metros e, ao cair, precisou de ajuda para sair do aparelho. Veremos se a próxima viagem, já no próximo sábado, corre melhor.

Vista Post a Post: Anuncio Paginação

Páginas