O choro e a reconciliação de duas lendas da NBA após 26 anos de ódio mútuo
21/12/2017

Foram precisos 26 anos para Magic Johnson e Isiah Thomas colocaram um ponto final, naquela que foi uma das maiores rivalidades vividas na NBA.

As duas lendas da NBA foram grandes amigos durante largos anos, mas tudo mudou em 1991 quando Magic Johnson anunciou, em conferência de imprensa, que era portador do vírus HIV. Gerou-se, desde então, uma onda de solidariedade em torno de Magic, mas Isiah Thomas acabaria por colocar em causa a orientação sexual do antigo base dos Lakers e este nunca lhe perdoou, acabando mesmo por usar a sua influência para que Isiah não fosse chamado à Dream Team dos Estados Unidos que venceu os Jogos Olímpicos, em 1992.

O base dos Pistons nunca perdoou Magic – e muitos fans da NBA também não – por ter ficado fora daquela equipa, considerada por muitos a melhor da história, e que juntou estrelas como Larry Bird, Charles Barkley, Clyde Drexler, Karl Malone, entre outros, além dos próprios Magic e Jordan.

Desde então, a amizade de ambos nunca mais foi a mesma. Cruzavam-se em eventos e festas referentes à NBA, mas nunca se falavam.

Mas tudo mudou na passada terça-feira, quando as duas antigas estrelas da NBA se juntaram para uma conversa cheia de emoção gravada pelas câmaras da NBA TV, num momento que culminou com o reatar formal da sua amizade.

"A minha esposa, a minha mãe, o meu pai, todos me disseram que tinha de me sentar contigo e reviver aqueles momentos de diversão, excelência, trabalho duro (...) És meu irmão, deixa-me pedir perdão por te ter magoado, por não podermos ter estado juntos", disse a lenda dos Lakers, antes de se abraçar a Thomas com ambos já em lágrimas.

Confere tudo no vídeo... pareciam meninos a chorar! smiley

É provável que gostes