Criança percorre quilómetros com temperaturas negativas e chega à escola (quase) congelado
10/01/2018

Uma criança de dez anos percorreu quase cinco quilómetros com 9 graus negativos, na China. O menino chegou à escola com o cabelo congelado, depois de se ter deslocado a pé, sob temperaturas negativas, para fazer os exames escolares.

De acordo com o Jornal Metro, a criança foi apelidada de "floco de neve" depois da fotografia, onde aparece com o cabelo branco, ter sido divulgada na Internet por um professor da escola primária de Zhuanshanbao, no município de Xinjie, na China. A fotografia que mostra o estudante de bochechas vermelhas com a cabeça cheia de cabelos congelados pela neve foi feita logo depois do menino ter entrado na sala de aula da escola rural.

Segundo o Jornal Metro, do Reino Unido, o professor revelou que a criança mora a uma distância considerável da escola e que é conhecido como o "animador de serviço", pois encontra sempre uma maneira de fazer rir os seus outros 16 colegas.

O menino, infelizmente, não vive com os seus pais, já que ambos trabalham em cidades maiores com oportunidades de salários mais altos. Ele vive com vários irmãos e parentes idosos.

O professor também contou que a escola dá café da manhã aos estudantes, mas admitiu que as suas salas de aula ainda não estavam equipadas com aquecimento por falta de fundos.

A identidade da criança não foi revelada, sabendo-se apenas que frequenta a 3ª classe.

É provável que gostes