Descobriram a maior gruta subaquática do mundo com 347 km
18/01/2018

Um grupo de mergulhadores descobriu no dia 10 de janeiro de 2018 uma ligação entre duas cavernas subaquáticas no leste do México que revelou aquela que se julga ser a maior gruta do género em todo o mundo: tem 347 quilómetros.

A descoberta, acreditam os investigadores do projeto Gran Acuifero Maya (GAM), poderá ajudar a lançar novas luzes sobre a antiga civilização maia. Até à data, o sistema Ox Bel Ha, a sul de Tulum, era o maior, com 270 quilómetros, seguido do sistema Sac Actun, a nordeste daquela região, com 263 quilómetros de extensão.

O sistema agora encontrado comunica com o Dos Ojos, que tem 83 quilómetros e que vai desaparecer oficialmente - segundo as regras de espeleologia, o maior absorve o mais pequeno.

Esta descoberta aconteceu após vários meses a explorar o labirinto de túneis subaquáticos, num projeto que se dedica ao estudo e preservação das águas subterrâneas da península de Iucatã.

Guillermo de Anda, diretor do GAM, diz que este achado poderá ajudar a compreender o desenvolvimento daquela região, dominada pela civilização maia antes da conquista espanhola.