Social

Vídeos

/

29 Outubro 2014

Passeou pelas ruas de Nova Iorque durante 10 horas e ouviu mais de 100 piropos

Num anúncio para uma campanha contra o assédio criada pela ONG Hollaback, Shoshana Roberts passeou pelas ruas de Manhattan, em Nova Iorque, durante 10 horas e foi abordada mais de 100 vezes por homens.

Algumas abordagens foram mesmo ameaçadoras, chegando ao ponto de a perseguirem por um vasto período de tempo. "Sou assediada quando sorrio e sou assediada quando não sorrio. Sou assediada por homens brancos, negros, latinos. Não há um dia em que eu não passe por esta situação», referiu Shoshana.

E ela até ia vestida de uma maneira normal... imagina se ela caminhasse de mini-saia ou com um decote provocante na rua!

VAIS GOSTAR: