Tailandesa não reconhece o seu próprio filho após uma cirurgia plástica extrema
23/11/2017

A Coreia do Sul é referência mundial a nível de cirurgia estética de correção do maxilar, tanto que muitas pessoas da Ásia visitam o país com o objetivo de melhorar a sua condição.

Foi o caso do jovem tailandês Noppajit Monlin, de 22 anos, que com a ajuda de um popular programa de televisão da Coreia do Sul, "Let Me In", conseguiu melhorar e muito a sua aparência.

Para Noppajit, a sua aparência sempre foi um problema: queixo saliente e torto, juntamente com uma pele manchada por causa do acne, fez com ele sentisse vergonha dele próprio. Ele trabalha numa fábrica e almoçava sempre sozinho para evitar encontrar com outros colegas.

Durante três meses, Monlin viveu no país vizinho para fazer um tratamento à pele, corrigir o queixo, reduzir os papos debaixo dos olhos e corrigir a testa e o formato dos olhos. Depois do tempo de recuperação, o rapaz realmente parece outra pessoa... tanto que a sua mãe nem sequer percebeu que era ele.

Para marcar o reencontro, o "Let Me In" armou um apanhado em que a senhora estava num café à espera do filho. Só que ela não reparou que ele estava sentado na mesa ao lado durante todo o tempo! Numa entrevista, ela contava a chorar que sentia saudades do filho e que não via a hora de o abraçar.

Porém, a senhora ficou incrédula quando o rapaz se levantou da mesa ao lado e perguntou: "Mãe, lembras-te de mim?". Ela desconfiou no começo e precisou ver as cicatrizes das cirurgias para realmente acreditar que estava a falar com o próprio filho! Monlin garante, também, que só mudou por fora: por dentro continua a mesma pessoa, ainda apaixonado por Tob, uma mulher transexual com quem namora há três anos.

Vale a pena assistir a este reencontro!

É provável que gostes