Social

Imagens

/

28 Junho 2017

Turistas nus e bêbados em Albufeira deixam comerciantes e residentes revoltados

Depois das últimas noites marcadas por desacatos entre turistas ingleses, a revolta estalou entre comerciantes e residentes na zona dos bares de Albufeira, que pedem mais policiamento.

O Jornal de Notícias recolheu alguns testemunhos que aqui partilhamos, onde residentes e comerciantes são unânimes em afirmar que "os problemas já vêm de há quatro ou cinco anos", mas garantem que "este ano bateu no fundo".

Os problemas mais grave começaram em abril, mas o pior foi mesmo nos últimos dias, quando um grupo com cerca de mil ingleses protagonizou cenas de violência na Rua da Oura e no aeroporto de Faro. "Este foi um grupo de muitos arruaceiros. Eram de bairros problemáticos do Sul de Londres. Desde o Euro 2004 que não se via nada disto", garantiu uma moradora da Rua da Oura.

"Esta rua é só álcool sem controlo e drogas. Um nojo!", afirmou uma lojista, que às vezes fecha a porta durante o dia, por causa dos britânicos que se despem à frente da sua montra.

"Chegam já bêbados ao aeroporto. Nós transfers deixam-nos beber, quando chegam ao check-in ja vêm a cair. Muitos quando querem voltar ao hotel já nem se lembram onde estão hospedados", contou a proprietária de um café, para avisar que os problemas começam logo nas viagens. Já outra lojista confirma que "há grupos que andam a vender drogas as claras na rua".

Os relatos incluem cenas de turistas nus pela rua, roubos de lojas e venda de álcool sem controlo pela noite fora.

VAIS GOSTAR: